Voltar para Home

Leite e academia, combinam?

Combinam! Um copo depois dos exercícios ajuda a restaurar a massa muscular

divisoria

Uma regra básica para quem faz exercícios é comer carboidratos antes do treino para dar energia e, depois, apostar nas proteínas para reparar os tecidos musculares. A razão pela qual é importante consumir proteínas depois de treinar é que elas são decompostas em aminoácidos, elementos fundamentais para a construção dos músculos.

Alguns deles são produzidos pelo nosso organismo, mas outros (os chamados aminoácidos essenciais) só são fornecidos pela alimentação. Nesse quesito, as proteínas de origem animal, como as da carne, do leite e de seus derivados, levam vantagem sobre as demais, pois entregam todos os aminoácidos de que precisamos.

“O leite é um alimento interessante para quem faz exercícios, por ter proteínas de altíssimo valor, que entregam todos os aminoácidos necessários, e carboidratos para repor a reserva de energia dos músculos”, afirma Antonio Herbert Lancha Junior, professor de nutrição da Escola de Educação Física e Esporte da USP (Universidade de São Paulo) e coordenador do Laboratório de Nutrição e Metabolismo da mesma faculdade.

Fontes: TACO (Tabela Brasileira de Composição dos Alimentos), Harvard Medical School, USDA National Nutrient Database e SBAN (Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição)

Fontes: TACO (Tabela Brasileira de Composição dos Alimentos), Harvard Medical School, USDA National
Nutrient Database e SBAN (Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição)

Um adulto sedentário deve ingerir 0,8 g de proteína por dia para cada quilo de seu peso para repor a quantidade que proteínas que o corpo degrada naturalmente em suas reações. Quem faz exercício precisa aumentar essa quantidade para 2 g para cada quilo para ajudar na reparação muscular e porque as proteínas às vezes são consumidas pelo metabolismo como fonte de energia, segundo Lancha Junior. “Não temos estoque de proteína, como acontece com os carboidratos e as gorduras. Como a atividade física causa oxidação dos aminoácidos, elas precisam ser repostas.”

Cuidar desse estoque de proteínas é importante. Afinal, a falta delas pode causar problemas como perda de massa muscular, redução da imunidade e enfraquecimento do coração e do sistema respiratório.

VEJA TAMBÉM:

Next Post

Previous Post